saopaulo.sp.gov.br
Instituto de Tecnologia de Alimentos

O Ital e a Pós-Graduação

O Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital) foi criado em 1963, inicialmente como então Centro Tropical de Pesquisa e Tecnologia de Alimentos em Instituto de Tecnologia de Alimentos, a partir de uma seção técnica do Instituto Agronômico, em Campinas – SP, com o objetivo de dar suporte para a crescente indústria de alimentos. Convênio com a FAO permitiu o treinamento de técnicos, no Brasil e no exterior e a construção dos prédios, laboratórios e equipamentos.

Dentro de sua missão de apoio científico para o desenvolvimento tecnológico do setor de alimentos do Brasil, tem em sua trajetória, forte parceria com o setor produtivo, o que exigiu adequação às novas demandas e características de um mercado globalizado. Neste sentido, o Ital estabeleceu a gestão para a qualidade, que resultou na certificação ISO 9001, em 1998, e na acreditação pelo INMETRO de 57 ensaios de embalagens segundo a norma ISO 17025. O Ital participa desde 1998 do Programa de Excelência na Gestão da ABIPTI (Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação).

Atuando em várias linhas de pesquisa e desenvolvimento, através dos seus 78 pesquisadores, conduz projetos financiados, principalmente, por agências de fomento nacionais e internacionais, por empresas e associações, muitos deles realizados em parceria com instituições brasileiras e estrangeiras.

Há muitos anos recebendo estagiários de nível médio e superior para complementação de suas formações com solução de problemas reais, sua missão de educação também foi se consolidando, e em, 2015, iniciou o programa de mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos aprovado pela Capes, focando suas pesquisas na criação de novos produtos mais saudáveis, sustentáveis e seguros, em consonância com a atual dinâmica da indústria global de alimentos.

Histórico, evolução e perspectivas futuras da Pós Graduação

Conceito Capes e Autoavaliação

Contato: pos@ital.sp.gov.br
Telefone: (19) 3743-1762

Linhas de Pesquisa

Qualidade e segurança de alimentos

Linha de pesquisa interdisciplinar para estudos da segurança e qualidade de alimentos utilizando-se de análises físico-químicas, microbiológicas e instrumentais. O programa fornecerá conhecimento teórico e prático, que inclui estudos de aditivos, contaminantes químicos e microbiológicos em toda a cadeia produtiva de alimentos, além de estudos de propriedades bioativas dos nutrientes e estudos dos constituintes dos alimentos: absorção e biodisponibilidade, efeitos do processamento, do armazenamento e a sua relação com a qualidade nutricional.

Projetos:
Caracterização, avaliação da qualidade e de propriedades bioativas de alimentos
Estudo da inocuidade microbiológica de alimentos

Embalagem e conservação de alimentos

Linha de pesquisa que contempla as tecnologias de processamento convencionais e emergentes para a industrialização de alimentos e os estudos da interação entre embalagem e produto. Inclui também a avaliação do desempenho ambiental da cadeia agroalimentícia, os estudos de estabilidade e de avaliação de ciclo de vida e o aproveitamento de subprodutos.

Projetos:
Desenvolvimento e avaliação de embalagens
Estudos ambientais e aproveitamento de resíduos e co-produtos industriais
Desenvolvimento de novos produtos, processos e ingredientes

Carga Horária

Para concluir o curso, o aluno deverá completar o mínimo de 48 créditos, sendo 18 em disciplinas e 30 pela Dissertação.

Coordenadoria

Reitora
Eloisa Elena Corrêa Garcia

Pró-Reitor
Mitie Sônia Sadahira

Coordenadora
Silvia Amelia Verdiani Tfouni

Vice-Coordenadora
Anna Lucia Mourad

Comitê de Pós-Graduação

Silvia Amélia Verdiani Tfouni | Anna Lúcia Mourad | Mitie Sonia Sadahira | Maria Isabel Berto | Silvia Cristina Sobottka Rolim de Moura | Marcelo Antonio Morgano | Tiago Negrão Andrade

Comitê de Seleção

Anna Lúcia Mourad | Maria Isabel Berto | Marisa Padula | Silvia Cristina Sobottka Rolim de Moura

Comissão de Atribuição de Bolsas

Silvia Amélia Verdiani Tfouni | Rosa Maria Vercelino Alves | Juliana Santos de Espíndola

Docentes

Anna Lucia Mourad
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Beatriz Thie Iamanaka
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Fabiana Andrea Barrera Galland
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Marcelo Antonio Morgano
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Maria Isabel Berto
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Maria Teresa Bertoldo Pacheco
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Marise Bonifácio Queiroz
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Marta Hiromi Taniwaki
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Marisa Padula
Lattes / Google acadêmico / ORCID

Mitie Sonia Sadahira
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Rosa Maria Vercelino Alves
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Silvia Amélia Verdiani Tfouni
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Silvia Cristina Sobottka Rolim de Moura
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Silvia Pimentel Marconi Germer
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Valdecir Luccas
Lattes / Google acadêmico / ResearchID / ORCID

Disciplinas

Aditivos e contaminantes em alimentos

Ementa: Aditivos alimentares. Contaminantes químicos e físicos em alimentos. Metodologias para avaliação da ingestão de aditivos alimentares e contaminantes. Aspectos regulatórios.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Silvia Amelia Verdiani Tfouni

Aprimoramento didático/estágio docente

Ementa: Preparação pedagógica: métodos de ensino, ensino de técnicas e práticas de trabalho individual e em grupo, técnicas para a avaliação do aprendizado, elaboração de palestras e apresentação de trabalhos em eventos científicos. Estágio supervisionado: desenvolvido mediante a participação do aluno em cursos de extensão e especialização oferecidos na instituição, sob a supervisão de um docente.


2 créditos

Carga horária: 30h


Componentes bioativos e técnicas associadas

Ementa: Avaliar as propriedades bioativas de componentes alimentares com abordagem na pesquisa científica e seus efeitos biológicos. Será considerado metodologias empregadas nos estudos para avaliação da ação antioxidade, antinflamatória, anticancerígena, entre outras bioatividades, bem como técnicas empregadas para avaliar a bioacessibilidade e biodisponibilidade dos compostos.


2 créditos

Carga horária: 30h


Docentes responsáveis:
Fabiana Galland

Embalagens plásticas: materiais, processos de fabricação de embalagens flexíveis e rígidas

Ementa: Conceitos gerais e funções da embalagem; Reações de interação embalagem/alimentos. Materiais plásticos e tipos de embalagem flexíveis e rígidas; Processos de fabricação de embalagens, plásticas; Propriedades de embalagens plásticas; Tecnologias e aplicações de embalagens plásticas: alimentos sensíveis à umidade e oxigênio, embalagens para laticínios, produtos cárneos, frutas e hortaliças, bebidas, embalagens plásticas e novas tecnologias de processamentos não térmicos; embalagens com atmosfera modificada, embalagens ativas e inteligentes, biopolímeros, embalagens biodegradáveis, nanotecnologia, materiais para revestimento de alimentos.


2 créditos

Carga horária: 30h


Docentes responsáveis:
Rosa Maria Vercelino Alves

Gestão ambiental para desenvolvimento de produtos e processos

Ementa: Globalização, meio ambiente e tratados internacionais; Recursos naturais e principais impactos para o ar, água e solo; Resíduos sólidos: PNRS, tratamentos e destinação; Conceitos sobre normalização (normas ISO 14000 e 14040); A ferramenta de avaliação de ciclo de vida; Aproveitamento de resíduos da cadeia de alimentos; Principais impactos da indústria alimentícia; Desenvolvimento de produtos alimentícios com menor impacto ambiental.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Anna Lucia Mourad

Interação embalagem-alimento: materiais plásticos, celulósicos e metálicos

Ementa: Conceitos básicos de materiais e embalagens plásticas, celulósicas, metálicas e vidro para contato com alimentos. Interação embalagem alimentos: permeabilidade a gases, vapor d’água e solventes orgânicos. Migração de componentes da embalagem para alimentos, corrosão, legislação MERCOSUL/Brasil. Embalagens recicladas para contato com alimentos. Embalagens ativas, inteligentes e rastreabilidade.


2 créditos

Carga horária: 30h


Docentes responsáveis:
Marisa Padula

Métodos cromatográficos para análise de alimentos

Ementa: Introdução a métodos cromatográficos para análise de alimentos; princípios de cromatografia; cromatografia em papel, em camada delgada, de adsorção, de troca iônica, de bioafinidade e de exclusão; Cromatografia gasosa: técnicas, equipamento, fases estacionárias; Cromatografia Líquida: princípios, fases móveis, eluição, fases estacionárias e equipamento; introdução a espectrometria de massas (LC-MS e CG-MS).


2 créditos

Carga horária: 30h


Docentes responsáveis:
Marcelo Antonio Morgano

Métodos Espectrofotométricos de Análise de Alimentos

Ementa: Princípios teóricos da análise de alimentos por métodos espectrométricos.


2 créditos

Carga horária: 30h


Docentes responsáveis:
Marcelo Antonio Morgano

Micologia de alimentos e micotoxicologia

Ementa: Conhecimento sobre as principais espécies de fungos deterioradores de alimentos, incluindo os fatores que afetam seu crescimento, taxonomia polifásica e técnicas de contagem e isolamento. E micotoxinas: definição, condições de produção e o que causam para a saúde de animais e humanos.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Beatriz Thie Iamanaka
Marta Hiromi Taniwaki

Microbiologia de alimentos

Ementa: Fatores intrínsecos e extrínsecos que afetam o desenvolvimento microbiano. Principais bactérias patogênicas de importância em alimentos. Microbiologia da água. Deterioração microbiana. Métodos de análises microbiológicas de alimentos e água.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Beatriz Thie Iamanaka

Planejamento experimental

Ementa: Fundamentos da ferramenta de planejamento de experimentos: definição de variáveis; tipos de planejamento experimentais mais aplicados; principais metodologias do planejamento experimental; critérios para seleção do planejamento. Estudos de casos, exemplos e aplicações.


3 créditos

Carga horária: 45h


Processamento de frutas e hortaliças

Ementa: Tecnologias de secagem e de processos para a fabricação de bebidas e conservas de frutas e hortaliças. Descrição de equipamentos relacionados. Reações de degradação e vida-de-prateleira. Aproveitamento de resíduos do processo industrial.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Silvia Pimentel Marconi Germer
Silvia Cristina Sobottka Rolim de Moura

Propriedades funcionais de biopolímeros (proteínas e polissacarídeos)

Ementa: Propriedades funcionais de biopolímeros (proteínas e polissacarídeos) para a formação e estabilidade de dispersões coloidais (emulsão, espumas, géis e suspensões). Produtos alimentícios, geralmente, são encontrados na forma de dispersões tais como spreads, maionese, sorvete, marshmallow, nougat, bolo, recheios, entre outros.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Mitie Sonia Sadahira

Química e bioquímica do processamento de alimentos

Ementa: Transformações químicas e bioquímicas dos principais constituintes dos alimentos “in natura” durante o processamento e armazenamento.


4 créditos

Carga horária: 60h


Docentes responsáveis:
Maria Teresa Bertholdo Pacheco

Seminários sobre projetos

Ementa: Discussão das propostas para dissertação por meio de apresentações dos projetos dos mestrandos


2 créditos

Carga horária: 30h


Docentes responsáveis:
Silvia Amelia Verdiani Tfouni

Tecnologia de produtos açucarados e com substituição de açúcar

Ementa: Definições, propriedades funcionais e tecnológicas de açúcares e principais substitutos de açúcares. Processos de fabricação de produtos de base açucarada como balas, caramelos, balas de goma, confeitos drageados, fondant, pastilhas comprimidas, entre outros. Fundamentos de cristalização em sistemas açucarados e co-cristalização com sacarose.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Marise Bonifácio Queiroz

Tecnologia de produtos derivados do cacau

Ementa: Histórico, definições e regulatório. Produtos derivados do cacau. Principais ingredientes e aditivos e suas propriedades físicas, químicas e físico-químicas. Processos de fabricação. Parâmetros de controle de processo. Equipamentos industriais. Aspectos de qualidade. Tendências e inovações.


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Valdecir Luccas

Tecnologias para conservação de alimentos

Ementa: Métodos de conservação dos alimentos: tecnologias de barreiras, processamentos térmicos convencionais, e tecnologias emergentes


3 créditos

Carga horária: 45h


Docentes responsáveis:
Maria Isabel Berto

Tópicos especiais em ciência e tecnologia de alimentos I

Ementa: Avanços em Ciência e Tecnologia de Alimentos


1 créditos

Carga horária: 15h


Tópicos especiais em ciência e tecnologia de alimentos II

Ementa: Avanços em Ciência e Tecnologia de Alimentos


2 créditos

Carga horária: 30h


Grade de Horários

Calendário

  • 08 a 10 de fevereiro
    Matrícula para o primeiro período letivo de 2021 (alunos regulares)
  • 22 e 23 de fevereiro
    Solicitação de matrícula para o primeiro período letivo de 2021 (alunos especiais)
  • 28 de fevereiro
    Prazo para exame de proficiência em língua estrangeira (ingressos em 2020)
  • 01 de março
    Início do período letivo
  • 02 de junho
    Prazo para encaminhamento do projeto de dissertação ao CPG (ingressos em 2021)
  • 26 de junho
    Final do período letivo
  • 10 de julho
    Data limite para entrega de notas na secretaria (1º período)
  • 12 a 14 de julho
    Matrícula para o segundo período letivo de 2021 (alunos regulares)
  • 19 e 20 de julho
    Solicitação de matrícula para o segundo período letivo de 2021 (alunos especiais)
  • 02 de agosto
    Início do segundo período letivo
  • 01 a 31 de outubro
    Inscrição para processo seletivo 2022
  • 10 de dezembro
    Final do segundo período letivo
  • 11 de dezembro
    Prazo para exame de qualificação dos alunos ingressantes em 2021
  • 17 de dezembro
    Data limite para entrega de notas na secretaria (2º período)

OBS: O aluno terá direito a trancar matrícula em uma disciplina desde que tenham sido ministrados no máximo 30% do total de aulas previstas. Caso contrário, a conclusão da disciplina será obrigatória.

Normas e Regimento

Dissertações

Processo Seletivo

Aluno Especial

A matrícula do aluno especial está condicionada à existência de vaga na disciplina pretendida e à autorização do docente responsável, sendo vedada na disciplina "Seminários" e em mais de duas disciplinas em um mesmo semestre.

O período de solicitação de matrícula pode ser consultado no calendário da Pós-Graduação, sendo necessário entregar junto à documentação exigida o formulário de solicitação (FQ-07.27) devidamente preenchido e assinado pelo docente responsável pela disciplina de interesse.

Documentos exigidos

- Cópia do diploma ou outro documento comprobatório da conclusão da graduação com data da colação de grau anterior à data da matrícula;

- Histórico escolar oficial do curso de graduação;

- Cópia da cédula de identidade (RG);

- Duas fotos fotos 3x4.